terça-feira, 30 de dezembro de 2014

verão pede roupas leves...

No verão quanto mais leves as roupas, melhor, não é?
Então podemos desfrutar de peças leves e bonitas, com caimento perfeito.
Além disso estas peças rendadas tem uma aparência de delicadeza e romantismo.








Hilda Eroles - vídeo16 - para refletir

terça-feira, 2 de dezembro de 2014

Quem ensina também aprende...

Quem é professor[a] sabe que quanto mais se ensina, mais se aprende, certo? Isso mesmo. SEMPRE é bom reservarmos um tempo para nosso aperfeiçoamento, pois assim podemos passar adiante o que sabemos da melhor forma, e sempre com novidades. Seja novidades de técnicas, seja de pontos, flores ou modelagem novas.

Este ano, tive o prazer de participar de 3 workshops maravilhosos:

Noemi Fonseca - tricô e crochê: rápido e fácil. Modelagem atual. Técnicas ótimas para quem está começando.

Marcelo Nunes - crochê: flores M A R A V I L H O S A S !!!

Vitória Quintal - tricô: rápido e fácil. Modelagem simples



E na internet, pude aprender váááárias técnicas também, com brasileiras, americanas, australianas, russas, inglesas, italianas, argentinas, mexicanas e peruanas. Sou grata a todas essas pessoas por compartilharem o que sabem. [fotos do GOOGLE IMAGENS]


Laura Cepeda [México]:aprendi a trabalhar o crochê sem agulha, apenas usando o que Deus nos deu: os dedos



Mariela Alasia [Argentina]: técnicas fáceis, rápidas e modernas (apesar dos vídeos serem de 4 anos atrás)

Svetlana Bersanova [Russia]: técnicas diferentes. Não tão fáceis, mas o resultado é lindo!

Verypink Knits [E.U.A.]: técnica americana de trabalhar com 4 ou 5 agulhas ao mesmo tempo. Fazer amostra dos pontos é primordial!



Blooming Knitter [E.U.A.]: existe lã específica para produzir meias, você sabia?? Eu não, até conhecer esta moça...



Eliete Massi e Helen Mareth [Brasil]: crochê de grampo é fácil!!!


Bob Wilson [Austrália]: lindos gorros e golas



sexta-feira, 28 de novembro de 2014

Algumas ideias para criar com o ponto correntinha

Olá amigos...
eu estava fazendo minhas pesquisas habituais, como sempre faço, e encontrei algumas peças que ilustram o que fazer com o ponto de correntinha e ponto baixo que ensinei no vídeo 5 (reveja no link: 
https://www.youtube.com/watch?v=If2koxiB54g

Esta pesquisa foi feita através do Google Imagens para achar "ponchos de crochê" em italiano, porém em inglês (crochet poncho) aparece a mesma pesquisa. Se você procurar pelo nome em português aparecem outras peças diferentes.

Segue, então, o que encontrei. São boas ideias do que fazer:


Lindos, né? Foi feita apenas uma barra para "decote" e posto franjas, que no Brasil, este ano, estão super na moda!






Mais curto, próprio para o verão, se feito com uma linha mais fina, tipo Charme, Duna, Camila Mais, Bella, Tropfil, ou outras que você conheça e goste de trabalhar.





Por que este parece um pouco diferente?? Pelo fato de que a correntinha foi fechada com 'ponto alto' e não com o 'baixo' como geralmente se faz. Fica um efeito bonito, uma vez que parece um favo de mel...







Lindo, né?! Nesta capa foi feito um passa-fita e posto uma fita muito bonita, meio transparente. E na barra foram feitos leques para um acabamento mais delicado. Ficou um charme!








E agora, como se faz este? Bem, comece pelas flores e una-as com correntinhas, deixando-as numa fila horizontal. Para tomar forma, faça primeiro as correntinhas no sentido flor-decote (partindo da flor para cima), e depois faça  no sentido flor-cintura (da flor para baixo).




Espero que você tenha se inspirado para criar suas próprias peças. Depois deixe seu comentário de como ficou. Se puder envie fotos para eu poder divulgar seu trabalho com seu nome, e se você vende, envie também seu contato para que possam entrar em contato com você.

Bons trabalhos.
Abraços

domingo, 9 de novembro de 2014

Hilda Eroles - vídeo 10 - artesanato e o cérebro

Este vídeo complementa o texto que escrevi no tópico anterior. Assista, compartilhe e faça seu artesanato.



Inteligências múltiplas - no que o crochê e tricô auxiliam nossa qualidade de vida

Sabemos que nosso cérebro ainda é uma incógnita para os pesquisadores neurologistas, mas podemos entendê-lo um pouco mais com este esquema que encontrei na internet.

Segundo o psicólogo cognitivista educacional, Howard Gardner, existem 9 áreas existentes no cérebro que podemos desenvolver. Como assim?

Você sabe que existem pessoas - ou até você mesmo - que "se dão melhor" numa área do que na outra, isto é, você pode ser uma ótima pessoa com ritmos musicais e péssimo em relação pessoal. 

Pois é, Gardner estudou muito e chegou a conclusão que, conhecendo as áreas do cérebro, podemos nos desenvolver melhor e nos tornarmos melhores "aprendentes".

Veja o gráfico e o que desenvolver em cada região cerebral:




Por que eu estou falando sobre isso?

Porque nós que amamos crochê e tricô podemos também desenvolver TODAS ESSAS ÁREAS.

= Espacial - temos que olhar as figuras dos gráficos ou imagens e fotos para identificar pontos e projetos que vamos desenvolver;

= Corporal-sinestésica - agilidade com as mãos e dedos - motricidade;

= Interpessoal - para aprender somos obrigados a conversar com pessoas, ou seja, quem está tendo problemas com depressão é uma ótima atividade para se "abrir para o mundo" novamente. O contato com pessoas só auxilia no tratamento de enfermidades.

= Intrapessoal - enquanto fazemos nosso trabalho, conseguimos ter uma introspecção e sem perceber, pensamos em como solucionar problemas;

= Musical - às vezes devemos criar uma sequencia de ritmo para fazer um ponto, quase um mantra. Por exemplo: "como se faz o ponto alto: laça um, passa entre dois, laça um e passa entre dois."

= Lógico-matemática - contar os pontos, calcular quantos pontos colocar na agulha, fazer regra de três para descobrir quantos pontos para cada peça dependendo do tamanho da pessoa que irá usar;

= Linguística - é a expressão. Até para expressar para alguém qual ponto eu quero e de que forma eu quero cada peça. Para quem está ensinando algum ponto ou técnica é essencial om desenvolvimento desta área, pois as pessoas devem compreender o que estamos tentando ensinar.

OBS.: Neste gráfico, faltou as áreas Naturalista e Existencialista.


POR FIM, DESENVOLVER UMA ARTE, NÃO É PERDER TEMPO. É GANHAR QUALIDADE DE VIDA !!

Tops de crochê - moda praia

Que tal ir à praia ou piscina com um top super glamouroso, exclusivo, de causar admiração em todos?
Olha então esses tops, faça sua encomenda e brilhe mais que o sol!!












domingo, 28 de setembro de 2014

Hilda Eroles - vídeo 4 - peça reta de tricô

Pessoal, mais um vídeo da marca Hilda Eroles. Espero que gostem da peça que estou mostrando e ensinando. É super fácil e fica bem quentinho. Inscrevam-se e curtem o canal.








quinta-feira, 21 de agosto de 2014

Gola de crochê [de dedos]

Essa linda gola foi feita em 20 minutos!!! Super rápido, fácil e muito gostosa de usar!!!
A técnica usada foi a do crochê de dedos.
Utilizei um novelo inteiro do fio Sensual - sem abrir a redinha - da Círculo.




segunda-feira, 18 de agosto de 2014

Colete feminino sem barra

Esse colete ficou bem bonito né?! No lugar da barra, fiz ponto de laçada para que não ficasse bufante.


Meia de crochê para o verão

Olha que coisa mais mimosa essa meinha... Tirei a receita de um vídeo no Youtube - canal Woolpedia. É em alemão, mas se você tiver paciência dá pra ver bem direitinho como é feita. E deu certo!

Mas se você não souber fazer, mas quer aprender, venha na loja Toque Final em Campo Bom/RS que eu terei o maior prazer em te ensinar.


Blusa enviesada

Essa blusa parece difícil de fazer, né?? Mas não é nadinha... 3 retângulos e a blusa esta pronta!!


domingo, 3 de agosto de 2014

Botinhas dos bebês

Estas botinhas foram feitas bem rapidinho. Cada par foi feito numa rodada de chimarrão com as amigas...
Foi posta na botinha de crochê uma telinha antiderrapante.

 esta é de tricô

 e esta é de crochê

terça-feira, 22 de julho de 2014

Para os bebês recém nascidos

Esses tiptops ficaram muito fofos... e bem quentinhos...

 
 

Frases para quem tricota...

Pessoal, vejam se não é a nossa realidade.... muito legal!! E é assim também nos Estados Unidos...


"Eu só quero ir para casa e tricotar"


"Só deixa eu terminar essa carreira!!"
 
 
 
 
"Se eu estou sentada estou tricotando."
 

 

sexta-feira, 20 de junho de 2014

Mais cachecol com capuz

Meninas, olhem este cachecol... ficou um arraso...



40pts. tecer 70cm. Aumentar 70pts para capuz. tecer por 45cm. Arrematar os 70pts do capuz e continuar com os 40pts do cachecol por mais 70cm.



Olhem como ficou na dona do cachecol... bem fechadinho na cabeça e o pescoço fica bem protegido.



Este cachecol de capuz é o mesmo modelo do anterior, apenas usei uma lã mais grossa, que deu outro efeito no trabalho.


Olhem o preto!!

E esta é a linda cliente que encomendou este cachecol....


RECEITA:


Materiais:
6nov. 40g ou 3nov. 100g
Ag. 5 ou 5 1/2

Realização:
Ponto trabalhado no cachecol: sobre 40 pontos tecer: 8 pts arroz de borda, 8 pts tricô, 8 pts meia para trança, 8 pts tricô, 8 pts arroz de borda.

Ponto trabalhado no capuz [IMPORTANTE: cachecol e capuz são tecidos juntos]:
1° passo: 6 carreiras em ponto arroz
2° passo: depois de tecer os 40 pts da parte do cachecol, nesta carreira, continuar para o capuz: 5 tricô, *9 meias (para trança), 6 tricô* (* * repetir 4 vezes), 5 tricô.
3° passo: tecer desta forma por 50cm.
4° passo: as últimas 6 carreiras tece em ponto arroz.

AUMENTO PARA O CAPUZ:
- no início da carreira, inserir a agulha entre o 1° e 2° ponto e laçar o fio por trás do trabalho. O ponto formado coloque na agulha esquerda, na frente dos outros – este passa a ser o 1° ponto da carreira. Repita até obter 70 pontos.
IMPORTANTE: Você colocará os pontos do lado avesso do trabalho, caso faça o capuz no mesmo lado do esquema acima.

ACABAMENTO DO CAPUZ:
Resgate 6 pts das últimas 6 carreiras finais do cachecol, antes de aumentar o capuz. Teça-os em ponto barra 2/2, pegando no final da carreira o ponto da borda do capuz. No início da carreira deste acabamento também pegue junto o ponto de borda do capuz. Quando finalizar a tira de acabamento, costure os 6 pontos do outro lado, na parte do cachecol.

LEMBRETE IMPORTANTE:
Você deverá vaporizar todo o cachecol após terminá-lo, para que a trança fique aberta e não fique enrolada, como no momento da produção.

GRANDE AJUDA – visite meu canal no YouTube para explicação visual de:

VAPORIZAÇÃO: vídeo 14

ARREMATES: vídeo 26

TRANÇA SIMPLES: vídeo 29

TRANÇA DE 9 PONTOS: vídeo 30